Robôs fazem simulações de resgate, dançam e até jogam futebol na USP